15 de mar de 2010

RENOVANDO A ALIANÇA – 2 Reis 23:2 - 2ª parte

biblia

Vimos que existe uma grande necessidade de Redescobrirmos a Palavra de Deus. Certamente Ela estará escondida e conseqüentemente esquecida nos lugares mais estranhos da nossa vida. Devemos procurá-La diligentemente entre as paredes dos nossos interesses pessoais, seja entre os escombros dos nossos ressentimentos, seja em meio aos entulhos dos pedaços de nossas vidas. Assim como o rei Josias, após ter sido achado o Livro da Lei e ouvir as suas palavras, corramos em nos arrepender e nos humilhar diante do Senhor.

Temos que entender antes de tudo, porque devemos reencontrar “o valor” da Palavra de Deus em nossa vida:
1. Em primeiro lugar e a principal razão, é que essa é a vontade do Senhor, para nós.
2. Em segundo lugar, e não menos importante, é porque a nossa vida depende disso.
3. Em terceiro lugar, e não menos importante, a vida daqueles que nós amamos depende disso.
4. Em quarto lugar, e não menos importante, a Igreja depende disso.
Nos versos 2 Reis 22:11-13 do capítulo 22 de 2 Reis, fica claro pela reação do rei Josias, estas razões acima, após ouvir as palavras do Livro. Primeiro, houve a compreensão de que Deus havia se desagradado grandemente, porque seus pais e o povo em geral se desviaram das palavras do Livro da Lei. Em seguida, ordenou que se buscasse entendimento quanto ao que estava escrito, primeiramente para ele, em seguida para o povo e em terceiro lugar por toda Judá.

O Senhor não nos quer afastados da Sua Palavra, da Sua presença e da comunhão com Ele. Em II Timóteo 2: 12,13, Paulo lembra a Timóteo que “se perseverarmos, com Ele também reinaremos; se o negarmos, também Ele nos negará; se somos infiéis, Ele permanece fiel; porque não pode negar-se a Si mesmo.” 

O grau de fidelidade a Deus, está intrinsecamente relacionado ao nível de conhecimento que se tem de Deus. O conhecimento de Deus, através da Sua Palavra, e a observância de Sua vontade todos os dias, é um caso de vida ou morte para o homem. Porque se nós dizemos que O conhecemos, mas ainda assim não fizermos tudo conforme a Sua vontade, nós O estaremos negando.

A Igreja está vivendo dias onde está sendo confrontada com o mundo nas suas bases doutrinárias, e na sua identidade. Nós estamos vendo, com raras exceções, que a igreja está se conformando com o mundo, está se identificando com os mesmos interesses e com as mesmas necessidades do mundo. 

Os cristãos de hoje – nisso estou incluindo os líderes, os pastores e os mestres – não aceitam completamente os ensinos e a autoridade das Escrituras. O que estamos vendo, é a mistura das verdades espirituais com as idéias humanas. Os homens aceitam certas idéias bíblicas, mas há outras idéias e filosofias, remanescentes de seu velho estilo de vida, que desejam conservar consigo. Misturam idéias humanas de técnicas e formas, de marketing e estratégias, com as idéias espirituais. Gostam de determinados ensinos bíblicos como, o Sermão do Monte, por exemplo, mas acham que não se deve ser extremista mas moderado, e então, começam a modificar as Escrituras.

Recusam-se a aceitar a autoridade da Palavra de Deus em todos os seus aspectos – na pregação e na vida, na doutrina e na sua visão do mundo.

Dizem eles, que vivemos em um século diferente e em época diferente daquela onde se haviam escrito as Palavras da Lei, portanto não se pode aplicar a doutrina original. O homem moderno tem outras perspectivas e outros problemas para resolver, diferente das épocas passadas. 

Em II Timóteo 4: 3, encontramos o Apóstolo Paulo dando uma palavra séria, a Timóteo, dizendo que surgirão pessoas no seio da Igreja que não suportarão a Sã Doutrina, em lugar disso desejarão juntar ao seu redor professores que satisfaçam a coceira dos seus ouvidos. Tais pessoas não têm a vontade e o paladar de receber a Palavra de Deus como de fato ela é. No verso 4, lemos que elas se desviarão e se entregarão às fábulas. Elas estarão dispostas a ouvir qualquer coisa que não seja a verdade.

Para estas pessoas que têm como objetivo satisfazerem os comichões nos seus ouvidos, que só querem ouvir o que lhes satisfaz, que querem uma “direção” uma “palavra”, mas não querem A Palavra de Deus nas suas vidas, e para os líderes de hoje que acham que as “necessidades” das pessoas de hoje em dia, já não podem ser supridas apenas pela Bíblia, com aquelas doutrinas e pregações tradicionais, aquelas formas de culto tradicionais, e que é necessário introduzir-se “novos métodos”, “novos atrativos”, o apóstolo Paulo faz uma advertência em II Timóteo 3, com uma lista de todo tipo de pessoas que estariam freqüentando as igrejas nos últimos dias(d) , e portanto, seria necessário tomar uma posição séria e firme para se tratar com estes casos.

O que você acha que Paulo disse para Timóteo? Talvez ele tenha dito: “Timóteo, quando as coisas ficarem muito difíceis na sociedade e na Igreja, quando a falta de Deus e a falta de lei estiver por toda parte, quando parecer que você ao pregar e ensinar, não conseguir efeito algum nas pessoas, veja o que tem a fazer. As velhas regras não servem mais, temos de ‘bolar’ um novo curso de ação; você terá de fazer coisas novas na Igreja”.

Se você acha que o apóstolo poderia ter dito isso, então você tem que, urgentemente, “Redescobrir a Palavra de Deus na sua vida”. Na verdade Paulo instrui o seu discípulo, a que “permaneça na Palavra”, que “se lembre das coisas que aprendeu e “jamais abrir mão da sã doutrina” que ele, o apóstolo, pessoalmente lhe ensinara durante toda a sua infância, durante toda a sua vida, e que tem o poder de fazer-lhe sábio para a salvação pela fé em Cristo Jesus.

Ao instruir Timóteo, Paulo sabe que nas Escrituras encontraremos as respostas para todas as perguntas e para todas as aflições do homem. Ela é eterna, e porque é a Palavra de Deus, devemos nos submeter a Ela, e esperar que o Senhor use Seus próprios métodos à Sua própria maneira. 

Ah! se tão somente formos como o rei Josias, e nos aproximarmos da Palavra de Deus como crianças, com aceitação, sem reservas, permitindo que a Bíblia fale conosco! 

Foi nessa condição que o rei Josias ouviu as palavras do Livro. Ele foi imediatamente tocado e confrontado com seu pecado, não questionando nem se justificando, dizendo que tudo ocorrera em tempos passados por causa de outros reis, mas ele se humilhou e pediu perdão.

Esta é a atitude do eleito de Deus, do chamado segundo um decreto imutável e inquestionável. Do filho que conhece a voz do seu Pai e se vê constrangido por um amor que tem o poder de transformar um coração de pedra em um coração de carne. 

Mas o rei Josias não parou, e ai está o diferencial, ai está o grande exemplo para as nossas vidas, pois ele, reconhecendo a gravidade do seu pecado, – o de afastar-se da presença de Deus e tomar o controle da sua própria vida, – procurou conhecer mais profundamente as palavras do Livro e em seguida passou a obedecer ao Senhor, corrigindo assim, todos os erros cometidos no passado.

Neste momento, aprendemos mais uma lição. Que ao Redescobrirmos a Palavra de Deus, temos que nos empenhar ao máximo, em compreendê-la. Não haverá transformação em nossas vidas, se a leitura da Palavra de Deus não nos tocar e não nos transformar a cada dia. 

É somente a operação do Espírito Santo em nossas vidas que nos dará capacidade de compreender as Palavras do Livro.

Assim como o rei Josias pediu ajuda da única pessoa capacitada em toda Judá para explicar, ensinar e transmitir com clareza o que o Senhor estava dizendo através do Livro da Lei, assim também nós, busquemos ardentemente o Espírito Santo em nossas vidas. É Ele quem esclarece, quem explica, quem ensina e quem da a entender todas as Palavras da Lei. 

É urgente que busquemos ao Senhor em nosso favor e em favor daqueles que o Senhor tem colocado em nossa volta. Temos que clamar a benção de Deus sobre aqueles que o Senhor estabelece e que estão aptos a ensinar, homens tementes a Deus para que se mantenham firmes na doutrina bíblica e nos ensinem. Sem o entendimento claro das Escrituras não poderemos restaurar a nossa comunhão com Deus e com cada um dos nossos irmãos.
___________________________

(d) Ver textos relacionados com o versículo 6: Mateus 23:14 e Tito 1:11.
___________________________
Creative Commons License
RENOVANDO A ALIANÇA – 2 Reis 23:2  - 2ª parte by Sergio Luiz Menga is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License. Permissions beyond the scope of this license may be available at http://smenga.blogspot.com/.

Nenhum comentário: